• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Bancárias e bancários paralisam as agências do Santander em Uberaba

Trabalhadoras e trabalhadores protestam contra alterações nas relações trabalhistas

Publicado: 20 Dezembro, 2017 - 18h47

Escrito por: Sindicato dos Bancários de Uberaba e Região

As quatro agências do banco Santander em Uberaba paralisaram as atividades nesta quarta-feira, 20 de dezembro. Bancárias e bancários da empresa protestaram contra as alterações nas relações trabalhistas que o banco promoveu sem qualquer consulta às entidades representativas do funcionalismo. A mobilização durou duas horas.

Uma das alterações que mais contrariou o funcionalismo foi a implantação de um sistema para forçar a assinatura em um “acordo Individual de banco de horas semestral”. A medida decreta o fim do pagamento da hora extra em espécie para a categoria.

Também sem qualquer negociação com a categoria, o banco alterou o dia de pagamento dos salários, do dia 20 para o dia 30. Também os meses de pagamento do 13º foram adiados para períodos posteriores sem qualquer aviso prévio ou negociação.

O diretor do Sindicato dos Bancários de Uberaba e funcionário do Santander, Gilmar José de Almeida, lembra que os funcionários também foram surpreendidos com reajuste de 20% no plano de saúde. “Os trabalhadores também sofrem com metas abusivas, grande número de demissões e agora também o anúncio de que o banco vai aplicar o parcelamento das férias.

“Estamos protestando de forma unida num momento muito oportuno que é o início da implantação da reforma trabalhista do banco. Temos que reagir a esses ataques que são desrespeitosos com o funcionalismo e podem ser ampliados com as facilidades que a reforma trabalhista ofereceu às empresas”, ressalta Gilmar Almeida.

carregando